BLOG DA
Laís Laíny

Pedágio: Tarcísio confirma desconto livre mas com aumento no aporte

Ministro não garante que leilão de rodovias do PR ocorra este ano

02 de julho de 2021 | 16h52 | Atualizado há 154 dias

PUBLICIDADE
O Ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, não garantiu que os editais do leilão para as novas concessões de rodovias do Paraná ocorram ainda este ano.
Segundo ele, nos próximos dias o projeto da nova modelagem será repassado para análise do TCU, com "a ideia" de que fique pronto este ano". A afirmação foi feita em entrevista coletiva, na manhã desta segunda-feira (2).

A garantia de desconto livre nas tarifas foi confirmada, porém, condicionado a mais investimentos das empresas participantes. Isso significa que quanto maior o desconto, maior será o aporte que as empresas participantes terão que oferecer. De certa forma, isso se torna um limitador para que as concessionárias disputem pela menor tarifa.

Tarcísio de Freitas, apresentou um balanço das ações até agora e as concessões previstas ainda para este ano. Quanto às concessões das rodovias do Paraná, Freitas afirmou que não garante que o edital seja lançado ainda este ano. Detalhe, é que os atuais contratos terminam em novembro deste ano.

O ministro atendeu ao questionamento da Catve, sobre os pedidos feitos pelo setor produtivo para retirada de praças de pedágio, contudo, ainda não detalhou sobre o pedágio colocado entre Cascavel e Toledo, na BR-467.

Durante a fala, Tarcísio falou que sua preocupação não é com as eleições do ano que vem, mas sim, com o projeto. Ele reconheceu a frustração dos paranaenses com o pedágio, no entanto, que o governo precisa de um projeto que não pense no ano que vem, mas nos próximos 30 anos.
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

VEJA TAMBÉM

<