Cascavel

Ruralistas debatem conflito indígena na região oeste

Cerca de 1,5 mil indígenas moram em aldeias de forma irregular

07/12/2018 12h48 | Atualizado em 07/12/2018 13h10
Na última reunião do ano do Núcleo dos Sindicatos Rurais do Oeste do Paraná, um dos principais assuntos foi uma questão antiga, mas que se agravou nos últimos meses: o conflito entre produtores rurais e índios. A situação mais complexa está nos municípios de Terra Roxa e Guaíra.

A FUNDAI, Fundação Nacional do Índio, publicou no Diário Oficial da União a demarcação de áreas para repasse ao povo indígena. Seriam 15 mil hectares nos dois municípios, onde há 156 propriedades rurais produtivas.

Vagner é Presidente do Sindicato Rural de Terra Roxa e dono de uma das propriedades. Ele teme a perda do bem, que pode ocorrer sem pagamento da indenização.

A estima é que na região há em torno de 1.500 índios. Uma população que, segundo o Presidente do Sindicato Rural Patronal de Cascavel, teve um aumento recente.

Os produtores pedem bom senso para que não haja prejuízos a quem, de acordo com eles, pagou pelas áreas.

Jornal da CATVE



** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 9 9982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642.