Chapecó

Futebol: torcedores do Figueirense imitam avião caindo depois de eliminação

Cena foi registrada na semifinal do catarinense contra a Chapecoense

15/04/2019 09h23 | Atualizado em 15/04/2019 09h36
Neste domingo (14) de clássicos pelas semifinais do estadual, em que a Chapecoense venceu o Figueirense, por 1 a o, na Arena Condá, uma cena lamentável foi registrada por torcedores da Chape.

A derrota na semifinal do Campeonato Catarinense não deixou os alvinegros nada felizes, fazendo dois deles inclusive se utilizarem de chacotas para provocarem os torcedores da Chape.

No momento em que as arquibancadas estavam sendo esvaziadas, dois torcedores do Figueirense começaram a imitar aviões, simbolizando a tragédia que envolveu a Chapecoense em novembro de 2016 e deixou 71 pessoas mortas na Colômbia.

Em nota o Furacão repudiou a atitude e afirmou que os torcedores serão identificados e expulsos de qualquer ligação com o time.

CONFIRA A NOTA:

O Figueirense Futebol Clube repudia o ato desrespeitoso promovido, após a semifinal deste domingo (14), por dois indivíduos presentes no setor de visitantes da Arena Condá, em Chapecó. A tragédia com a Chapecoense deve ser tratada com o devido zelo.

O clube ratifica, portanto, que atitudes como essa são isoladas e não representam, em nada, o reconhecido padrão da gigante torcida do Furacão.

Dentro da esfera administrativa, os participantes, após a identificação, serão banidos do quadro social, caso sejam membros, e também de qualquer ação e local vinculados ao Alvinegro.

CHAPE LAMENTA O CASO:

O presidente da Chapecoense, Plínio David de Nês Filho, se posicionou perante a polêmica e disse ser algo inaceitável.

"Gostaríamos de afirmar que o fato é isolado, mas a verdade é que ele tem se repetido em inúmeras ocasiões, de maneira extremamente infeliz e cruel: Nesta tarde, na Arena Condá, a torcida do Figueirense protagonizou um ato inaceitável. Após a partida entre Chapecoense e Figueirense, os torcedores da equipe da capital fizeram gestos que imitavam aviões caindo. Uma atitude que vai além de qualquer rivalidade e que não fere apenas ao clube, mas principalmente aos familiares das vítimas e a todos que, de alguma forma, sofreram com a perda de tantas pessoas queridas.

O sentimento é de incredulidade - pois é inadmissível que um fato tão triste seja utilizado como "arma de provocação" - e, acima de tudo, de repulsa. Esperamos que as atitude cabíveis sejam tomadas e torcemos para que a insensibilidade e o desrespeito não façam mais parte de um espetáculo tão bonito como o do futebol".

Redação Catve.com



** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 9 9982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642.