Padrasto suspeito de estuprar adolescente é liberado

Segundo a Polícia Civil, fatos teriam ocorrido há dois meses

18 de setembro de 2020 | 19h47 | Atualizado há 31 dias

PUBLICIDADE
O padrasto suspeito de estuprar a enteada foi liberado, no início da noite de sexta-feira (18).

A Polícia Civil emitiu nota sobre o caso que diz que os fatos teriam acontecido há dois meses, o que descaracteriza a situação de flagrante, diante disso ele foi ouvido e liberado.

Um inquérito foi instaurado e encaminhado ao Nucria.

As investigações seguem sob sigilo.

Confira a nota na íntegra.
"Na tarde de hoje foi encaminhada a Polícia Civil situação de suposto abuso praticado por padrasto contra enteada de 13 anos. Conforme informações, os fatos teriam ocorrido há 02 meses, o que descaracteriza a situação flagrancial. Para apuração dos fatos foi instaurado inquérito policial e encaminhado ao Nucria, que dará sequência a investigação. Dada a natureza da ocorrência, envolvendo vítima menor, a investigação segue em sigilo."

SOBRE O CASO
O homem de 48 anos foi detido pela Guarda Municipal, no distrito de Rio do Salto, área rural de Cascavel.

Ação foi realizada após denúncias encaminhadas ao Conselho Tutelar via telefone.

A vítima é uma adolescente de 13 anos, que está gestante de quatro a cinco meses.
Redação Catve.com
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

NOTÍCIAS RELACIONADAS


VEJA TAMBÉM