Assis Chateaubriand

Laudo aponta suicídio como causa da morte de Jaime Haraki

A principal linha era latrocínio, no entanto após laudos a investigação tomou outro rumo

16/05/2019 16h52 | Atualizado em 16/05/2019 17h27
Após cinco meses da morte do pioneiro de Assis Chateaubriand, Jaime Haraki, a Polícia Civil falou sobre o assunto na tarde desta quinta-feira (16).

Em entrevista ao Portal Policial Web, o delegado André Mendes da 48ª DRP explicou que a linha investigatória da polícia é de suicídio, no entanto outras hipóteses não são totalmente descartadas.

O direcionamento da investigação para a morte veio após o resultado dos laudos da perícia e também do Instituto Médico Legal.

O delegado relatou que o inquérito não está concluído e que as investigações ainda continuam.

Jaime Haraki, dono da empresa de hortifrutigranjeiros, foi localizado morto dentro do estabelecimento, a principal linha de investigação na época era uma tentativa de assalto seguida de homicídio. A situação chocou a pequena cidade.

Relembre

Redação Catve.com / Policial Web



** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 9 9982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642.