Cascavel

Pecuaristas aprendem a desenvolver a atividade leiteira com mais lucros

Estande no Show Rural oportunizou uma experiência diferente aos pecuaristas

07/02/2020 19h27 | Atualizado em 08/02/2020 08h56
Um caminho do pasto ao prato. Informações precisas para pecuarista do setor leiteiro desenvolver sua atividade gastando menos e ganhando mais. O Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná, que uniu Emater (Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural) e Iapar (Instituto Agronômico do Paraná), preparou um estande completo para oportunizar uma experiência diferente aos produtores de leite.

A pastagem geralmente é uma das grandes preocupações da pecuária leiteira. 16 tipos de plantas. Uma delas se enquadra na realidade do pecuarista. Essa estava com duas cores representa o período de entrada e saída das vaquinhas do pasto.

Paulino ficou encantado com as demonstrações apresentadas pelo instituo e admite que a grande dificuldade é colocar em prática todo o conhecimento visto no Parque Tecnológico.

Paulino tem 14 vacas leiteiras. Ele é de Boa Vista da Aparecida e produz diariamente 280 litros de leite. Se queixa que sempre há dificuldade em equilibrar os custos de produção, que considera alto perto do retorno que tem.

No mesmo estande o pecuarista pôde conhecer ainda o bezerreira tropical com sombrite, casinha para Bezerra que está em fase de aleitamento e pesquisas sobre nutrição alimentar animal. Um laticínio deixou à prova a qualidade dos produtos finais: queijos, requeijão e manteiga, por exemplo, de dar água na boca.

EPC



** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 9 9982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642.