Foz do Iguaçu tem o maior valor no preço do gás de cozinha do Paraná

Toledo e Assis Chateaubriand ocupam a segunda e a terceira posição respectivamente

13 de fevereiro de 2020 | 18h53 | Atualizado há 176 dias

PUBLICIDADE
Em Foz do Iguaçu a pesquisa da Agência Nacional do Petróleo foi feita em 19 estabelecimentos de 17 bairros da cidade e também no Centro. O valor mais baixo foi de R$ 80 e o mais alto de R$ 95. Neste caso, está incluído o preço da entrega. A média em Foz do Iguaçu é de R$ 92,50.

Os motivos para que o valor do gás de cozinha na fronteira seja o mais alto do Paraná não foram explicados nesta pesquisa. Mas em Foz do Iguaçu também é possível encontrar botijões de gás de 13 quilos com preço um pouco mais baixo do que foi anunciado pela ANP (Agência Nacional do Petróleo), principalmente nas empresas que vendem o botijão para os paraguaios.

A cidade com o segundo maior preço do botijão de gás no Paraná é Toledo. A média de preço ficou em R$ 86,42. Em Toledo, a ANP realizou a pesquisa em 12 estabelecimentos em seis diferentes bairros. O menor preço encontrado foi de R$ 85 e o maior de R$ 89 por isso a média de R$ 86,42.

Muito perto daqui está a cidade de Assis Chateaubriand, município que aparece na terceira posição, com o valor médio do gás de cozinha em R$ 85.

Marechal Cândido Rondon vem ocupando a sexta colocação com o preço médio de R$ 78,50.

Cascavel é a oitava cidade do Paraná com o botijão de gás mais caro. O preço médio por aqui e de R$ 77,06. Agência Nacional do Petróleo fez a pesquisa em 18 estabelecimentos comerciais e o botijão mais barato encontrado foi no valor de R$ 73, já o mais caro R$ 85.

Uma pouco mais longe daqui, na capital do estado, Curitiba, o preço médio do botijão de 13 kg é de R$ 65,22. A ANP fez a pesquisa em 32 estabelecimentos. O mais barato encontrado foi no valor de R$ 60 e R$ 75 o mais caro.
EPC
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

VEJA TAMBÉM