Diariamente, 12 crianças morrem no país por conta de acidentes

Em Cascavel, no ano passado, o Corpo de Bombeiros atendeu 381 ocorrências de crianças vítimas de acidentes

14 de janeiro de 2020 | 13h39 | Atualizado há 252 dias

PUBLICIDADE
A gente sabe que os pequenos tem muita energia, além de serem curiosos. E às vezes, uma brincadeira inocente pode acabar em acidente. E com medo desses perigos, para que a filha não se machuque, Edvaldo sempre fica de olho na baixinha.

Quem ama cuida, mas, estatísticas da ONG Criança Segura, divulgou dados preocupantes sobre mortes acidentais com crianças no Brasil. Diariamente, 12 crianças morrem no país por conta de acidentes. Desde afogamentos na piscina até bebês que se engasgam com leite.

Aqui em Cascavel, no ano passado, o Corpo De Bombeiros atendeu 381 ocorrências de crianças vítimas de algum tipo de acidentes.
14 % dos atendimentos de Primeiros Socorros do Siate foram de crianças de 0 a 14 anos.

Quedas de plano elevado ou mesmo nível, lesões físicas (entorse, fratura), obstrução de vias aéreas (engasgamento com leite e alimentos) e mordidas de animais estão entre os principais casos atendidos pela Cooperação em 2019.

A tenente do Corpo de Bombeiros afirma que cuidados simples podem evitar acidentes.
JC1
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

VEJA TAMBÉM