Cárcere privado: Adolescentes serão ouvidos apenas em juízo

Na manhã desta quinta-feira (05) a companheira do homem prestou depoimento.

05 de dezembro de 2019 | 17h35 | Atualizado há 245 dias

PUBLICIDADE
As crianças feitas reféns por quase 30 horas na cidade de Cafelândia nesta semana só serão ouvidas em juízo.

A informação foi confirmada pelo Delegado Ary Nunes, de Nova Aurora. O pedido foi feito pelo advogado de defesa, que relatou que os adolescentes de 12 e 14 anos estão abalados.

Na manhã desta quinta-feira (05) a companheira do homem prestou depoimento. Ela relatou que o homem pode sim ter tido um surto.

Além disso, a mulher enfatizou que o detido sempre foi um bom marido, um bom pai e que nunca mexeu com as crianças.

O homem permanece preso na cadeia de Nova Aurora. Ele já passou por audiência de custódia.

O Advogado Osmair Barbosa, relatou que o homem pode ter tido um surto psicótico, tendo em vista que ele vem de um egresso de uma clínica de dependentes químicos.

Ainda de acordo com o advogado, o homem trabalha há sies anos em uma empresa e nunca ofereceu risco a ninguém.
Redação Catve.com
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

NOTÍCIAS RELACIONADAS


VEJA TAMBÉM