Cascavel

Servidores da Unioeste e Hospital Universitário protestam em Cascavel

Eles estão em greve geral desde 11 de julho; motivo é o não pagamento da data-base

12/07/2019 10h23 | Atualizado em 12/07/2019 11h54
Os servidores da Unioeste (Universidade Estadual do Oeste do Paraná) e alguns funcionários do Hospital Universitário estão mobilizados em frente à Unidade de Saúde na manhã desta sexta-feira (12), em Cascavel.

Os sindicatos não entraram em acordo com o Governo do Estado, que ofereceu 5,09% para o pagamento da data-base, mas de forma parcelada até 2022.

Os servidores afirmam estão na espera de contraproposta do Paraná e que a greve segue até que entrem em acordo.

Além do pedido da data-base, os servidores também pedem investimentos ao hospital que abrange área de 2 milhões de habitantes e, segundo eles, sofrem com a falta de investimentos por parte do governo.

Também estão paralisados os funcionários públicos que atendem nas áreas saúde e parte administrativa.

O Governador do Paraná, Ratinho Junior, afirma que o Estado não consegue nesse momento fazer o pagamento completo aos servidores que é de 4,94 %, pois implica no aumento de R$1 bilhão mensal no orçamento do Estado.

Redação Catve.com



** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 9 9982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642.