Cascavel

Prisão de advogado não cabe mais recurso

A pena concedida foi de 7 anos, 1 mês e 2 dias, o homem deve responder em regime semiaberto

11/07/2019 15h50 | Atualizado em 11/07/2019 15h53
Não cabe mais recursos na ação onde o advogado de 39 anos foi preso em Cascavel na manhã desta quinta-feira pelo crime de tráfico de prestígio (11).

A ação transitou em julgado, ou seja, não cabe mais recurso. A pena concedida foi de 7 anos, 1 mês e 2 dias, o homem deve responder em regime semiaberto e perde o direito de exercer a função enquanto estive pagando a pena.

Segundo consta nos autos, o homem, que exercia a profissão na cidade de Corbélia, pedia determinados valores e relatava aos seus clientes que o montante seria para pagar o delegado e o escrivão da delegacia, mas na verdade o dinheiro era para ele.

Nas situações, ele dizia que o valor deveria ser pago para que o cliente não fosse detido. Em alguns casos ele chegou a realizar ameaças aos contratantes.

Segundo a promotora de Justiça de Corbélia, o advogado possui outros processos, alguns na cidade de Cascavel.

Ele foi preso, após mandado de prisão expedido pela Comarca de Corbélia.

Redação Catve.com



** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 9 9982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642.