Profissionais de saúde de SP podem se inscrever na 'xepa' da vacina para 3ᵃ dose

Inscrição começa a partir desta quinta-feira (23); Público estimado é de 400 mil pessoas

23 de setembro de 2021 | 12h19 | Atualizado há 32 dias

Foto: arquivo
PUBLICIDADE
Profissionais de saúde da cidade de São Paulo vão poder se inscrever na lista da 'xepa' para tomar a terceira dose da vacina contra a Covid-19. O cadastro começa a partir desta quinta-feira (23) para quem tenha mais de 18 anos e esteja totalmente imunizado há pelo menos seis meses.

O anúncio foi feito pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de São Paulo. A lista de espera será criada para não desperdiçar doses da vacina. A aplicação, no entanto, está sujeita a sobra ao final do dia em cada uma das UBSs da capital. A média diária de aplicações do reforço tem sido de 1,8 mil a 2 mil doses.

Segundo o secretário municipal, Edson Aparecido, considerando-se apenas os profissionais de saúde já imunizados, há um grupo de cerca de 400 mil pessoas que já podem tomar a terceira dose. Os profissionais devem apresentar o comprovante de que trabalham em alguma unidade de saúde e o cartão de vacinação com as duas doses anteriores.

O Instrutivo n° 36, documento da Secretaria que baliza a utilização dos imunizantes em toda a cidade, determina, ainda, que a terceira dose para esse grupo seja realizada com qualquer imunizante disponível no posto de saúde. Na prática, no entanto, a tendência é que isso seja feito com o imunizante da Pfizer, o mais encontrado nos postos de imunização hoje, de acordo com o secretário.

Quem pode se inscrever na "xepa"

- Para a dose adicional: idosos com mais 60 anos que tomaram a segunda dose ou dose única há pelo menos seis meses, assim como trabalhadores da saúde com mais de 18 anos (necessário apresentar Comprovante de Vínculo Empregatício em serviço de saúde do município de São Paulo ou Documento de Conselho de Classe ou Comprovante de profissão, certificado ou diploma);
- Adiantamento da segunda dose: a partir de 30 dias da data de aplicação da 1ᵃ dose, no caso da Pfizer ou da AstraZeneca; e a partir de 15 dias da data de aplicação da 1ᵃ dose, no caso da CoronaVac.
TV Cultura
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

VEJA TAMBÉM

<