Mundial de F-E terá rodada dupla em Roma e estará ao vivo na Catve

09 de abril de 2021 | 23h55 | Atualizado há 36 dias

PUBLICIDADE
O Campeonato Mundial de F-E, que teve a sua rodada inaugural em fevereiro, na Arábia Saudita, chega neste sábado e domingo às ruas de Roma dando início a uma sequência de provas Europeias que passarão também por Valência (Espanha) e Monte Carlo (Mônmaco). Esta será a terceira vez que a categoria visita a capital italiana.

O novo layout do circuito foi revelado ainda em fevereiro e conta como principais características o de ser bem mais veloz e um dos mais extensos da temporada. Além disso, com as alterações, a pista passou a contar com 19 curvas, novos pontos de ultrapassagem numa extensão total de 3.385 metros. A pista passa na frente do Palazzo dei Congressi, da Piazzale Marconi, do Palazzo della Civilta Italiana e todo o Parque Ninfeo.

Com transmissão ao vivo pela TV Cultura (Catve para Cascavel e região Oeste), a prova deste sábado, valendo pela 3ᵃ etapa da temporada, terá sua largada às 11 horas (horário de Brasília). A corrida 2 será neste domingo, com largada às 8 horas, também no horário de Brasília.

O Brasil será representado por Sérgio sette Câmara e Lucas di Grassi.

Sette Câmara

Fazendo a sua primeira temporada completa no Campeonato Mundial, Sérgio Sette Câmara está bastante animado para a rodada dupla da Itália. Depois do bom resultado conseguido na segunda etapa, em Diryia, a equipe Dragon Penske Autosport decidiu por não estrear o novo carro para a temporada 2021 e seguirá utilizando o mesmo equipamento que rendeu a segunda posição no grid e a quarta colocação na corrida para o piloto.

Sette Câmara, que nunca competiu por lá, terá boas chances de equiparação com seus adversários. "Me dediquei muito nesta preparação para Roma nas últimas semanas. Fiquei três dias completos no simulador da equipe além de ter feito alguns dias de testes com o carro novo. Aliás, sobre o carro novo, a gente não vai estrear o carro antes de Mônaco. São muitas inovações que foram feitas e, com isso, não vale a pena arriscar. Andamos muito bem na pré-temporada, bem como, nas duas primeiras etapas em Diriyah, e estamos certos da confiabilidade do equipamento que temos em mãos. Sendo assim, mesmo um pouco prejudicados em relação a potência máxima do carro, vamos confiantes em busca de voltar a zona de pontuação e continuar lutando no TOP10 do Campeonato", comentou o piloto de 22 anos.

Di Grassi

Lucas Di Grassi possui um bom retrospecto em Roma: a vitória escapou em 2018, quando ele foi o segundo colocado. O piloto da equipe Audi ABT Sport Schaeffler voltou a pontuar ao chegar em sétimo na mais recente edição da prova em Roma, em 2019. "Duas coisas estão animando a equipe para este final de semana: mostrar o potencial do nosso carro, que não pudemos fazer na primeira rodada dupla, e competir no novo traçado de Roma, que ficou muito emocionante", resumiu Lucas.

Sobre o modelo Audi e-tron FE07, Lucas acredita que suas características podem "casar" com as do traçado italiano. "Nas duas primeiras etapas, na Arábia Saudita, nós já tivemos momentos de boa performance. O que faltou foi oportunidade para manter a constância e nos aproximarmos dos carros que estavam na frente", diz Lucas. "Um carro que parece ter potencial é sempre uma injeção de ânimo. Mas todo mundo sabe que na F-E a concorrência é forte e trabalha muito. Então, precisamos ver como as coisas vão acontecer lá na pista efetivamente. De qualquer forma, nosso time está otimista. E isso já é um ótimo começo", concluiu o piloto brasileiro da Audi Sport ABT Schaeffler.

Após duas etapas, a liderança do Campeonato está com o holandês Nyck De Vries, da equipe Mercedes, que soma 32 pontos.

Classificação do campeonato após o e-Prix da Arábia Saudita

1°) Nick de Vries (Holanda), com 32 pontos

2°) Sam Bird (Reino Unidos), 25

3°) Robin Frijns (Reino Unidos), 22

4°) Edoardo Mortara (Reino Unido), 18

5°) Antonio Felix da Costa (Portugal), 15

6°) Mitch Evans (Nova Zelândia), 15

7°) Oliver Rowland (Reino Unidos), 14

8°) René Rast (Alemanha), 13

9°) Sérgio Sette Camara (Brasil), 12

10°) Pascal Wehrlein (Alemanha), 11

11°) Nico Müller (Suiça), 10

12°) Oliver Turvey (Reino Unido), 9

13°) Alexander Sims (Reino Unidos), 6

14°) Lucas di Grassi (Brasil), 6

15°) Stoffel Vandoorne (Bélgica), 4

16°) Andre Lotterer (Alemanha), sem pontos

17°) Jean-Eric Vergne (França), sem pontos

18°) Jake Dennis (Reino Unidos), sem pontos

19°) Sébastien Buemi (Suíça), sem pontos

20°) Norman Nato (França), sem pontos

21°) Nick Cassidy (Nova Zelândia), sem pontos

22°) Tom Blomqvist (Reino Unidos), sem pontos


Fotos: Divulgação






** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

VEJA TAMBÉM