Hospital de Campanha pode ser desativado na próxima semana

09 de julho de 2020 | 12h32 | Atualizado há 25 dias

PUBLICIDADE
A Secretaria de Saúde de Cascavel estuda a possibilidade de desativar o Hospital de Campanha.

O cenário aponta para uma redução no número de casos, além da abertura de novos leitos no município, como por exemplo a UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) do Jardim Brasília, que leva a este indicativo, porém a decisão ainda não foi tomada.

Segundo o Secretário de Saúde, Thiago Stefanello, o assunto já foi debatido em uma reunião nesta quarta-feira (8), e a decisão será apresentada até sexta-feira (10).

O blog apurou que, parte dos equipamento que estão no Hospital de Campanha, serão encaminhados à UPA Brasília, com inauguração prevista para os próximos dias.

O número de atendimentos do Hospital de Retaguarda está aquém do previsto, o que torna inviável a manutenção da estrutura. O objetivo concentrar os atendimentos.
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

VEJA TAMBÉM