BLOG DO
Luiz Aparecido

Segurança no trânsito começa com o condutor

27 de maio de 2020 | 23h48 | Atualizado há 45 dias

PUBLICIDADE
Com o lema "Perceba o risco. Proteja a vida", a campanha do Maio Amarelo deste ano pretende, mais uma vez, alertar as pessoas sobre a importância da segurança no trânsito. Segundo o piloto da YPF Brasil, empresa de energia, Cesar Urnhani, 95% dos acidentes na via podem ser evitados quando o condutor dirige de maneira preventiva.

Respeitar as regras da via, no que diz respeito a velocidade e conversões, faz parte de uma direção defensiva. Revisar o veículo periodicamente também traz mais segurança ao volante. "Manter o cuidado e zelo para com o próximo faz parte de uma direção segura. Sempre vale o exemplo de que "o maior cuida do menor" quando comparamos veículos pesados, leves e pedestres", explica o especialista técnico da YPF Brasil Pablo Bueno.

Entre muitos itens importantes, como pneus, parte elétrica e suspensão, a atenção ao lubrificante automotivo é fundamental. "Quando não observado da maneira correta, a ausência desse fluído no motor é algo muito grave para o carro", explica Urnhani.

O piloto de corridas e testes da YPF Brasil acrescenta que, se o veículo chegar no limite, sem lubrificante, pode parar de uma vez na pista. Nesse contexto, além de soltar óleo no piso, fazendo com o carro derrape, parte desse fluído pode atingir as áreas internas mais quentes do carro. "Um dos principais riscos é o automóvel pegar fogo. Além disso, caso o motor pare de funcionar, o condutor perde pressão de freio, sendo mais difícil parar o carro", reforça Urnhani. Para evitar esses e outros problemas, Bueno ressalta que a troca do lubrificante automotivo deve seguir o recomendado pela montadora - orientação presente no manual do carro.

Dados e tecnologia

Um carro revisado e em bom estado é essencial para uma direção segura, mas não evita, por si só, acidentes na via. Apenas no ano de 2018, mais de 33 mil pessoas perderam a vida no trânsito, segundo dados do Ministério da Saúde.

O Maio Amarelo existe desde 2011 e foi criado a partir de uma resolução da ONU (Organização das Nações Unidas) contando com forte protagonismo do Brasil. "Começamos essa iniciativa e, hoje, mais de 26 países fazem parte das ações da campanha. Isso faz com que o nosso país tenha relevância no tema e nas atitudes para diminuir acidentes de trânsito", explica o piloto da YPF Brasil.

Novas tecnologias têm sido desenvolvidas na busca por um trânsito mais seguro. Urnhani explica que o ambiente das pistas realiza testes e leva, para o dia a dia, soluções permanentes aos carros. "Um exemplo disso é a tentativa de desenvolver veículos que, em uma colisão, tenham capacidade de deformação programável, a fim de fazer com que as pessoas dentro do carro sofram cada vez menos impactos", explica o piloto.

Ao mesmo tempo que apoia as medidas de trânsito seguro, a YPF Brasil acompanha de perto o que as pistas de corrida têm a trazer para o dia a dia dos condutores. "O controle eletrônico de estabilidade é um exemplo. A principal função é voltada para que o carro não derrape em curvas ou desvios de trajetórias. Isso evita que o motorista perca o controle do veículo", explica Bueno.

Urnhani ressalta que o constante aprimoramento de métodos de frenagem é essencial tanto para as pistas de corrida quanto no dia a dia dos motoristas. "Temos trabalhado em novas tecnologias para ABS e frenagem mais segura, trazendo uma renovação para o que vem sendo praticado há 20 ou 30 anos", acrescenta Urnhani.

Foto: Divulgação
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 99982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642

VEJA TAMBÉM