Curitiba

Haitiano acaba baleado pela PM após situação de suposto maus tratos em Curitiba

A situação aconteceu na noite desta sexta-feira (8)

09/11/2019 08h49 | Atualizado em 09/11/2019 08h49
Um caso de susposto maus tratos acabou com um homem baleado pela Polícia Militar (PM), na Vila Guaíra, em Curitiba, na noite dessa sexta-feira (8). De acordo com informações repassadas pela assessoria da PM, uma pessoa ligou para o 190 informando que um vizinho estava bastante agressivo, na esquina das ruas Manoel Ferreira da Costa com Júlio Diniz e estaria agredindo uma criança de dois anos. Quando os policiais do 13º Batalhão chegaram ao local, encontraram uma família de haitianos.

Ainda de acordo com informações da PM, o haitiano chegou a investir contra a equipe policial com uma faca, momento em que um dos policiais reagiu, atirando na perna do homem. O Corpo de Bombeiros foi chamado com apoio do médico da Corporação e a vítima socorrida.

O Dr. Nogarolli, médico do Siate, comentou que o que salvou a vida da vítima foi um torniquete feito por um policial do Bope que prestou apoio a situação. "Teve ferimentos ferimento por arma de fogo. Em função do tiro, teve fratura de fêmur. Graças a Deus, um dos policiais colocou um torniquete e isso deu tempo para a chegada do Siate", explicou.

A vítima, o haitiano de em torno de 35 anos, foi socorrido com ferimentos moderados ao Hospital Cajuru. A polícia militar não se pronunciou oficialmente sobre o caso. Entretanto, moradores da região informaram que a família tem o costume de falar alto normalmente. Testemunhas ainda comentaram que a vítima é uma boa pessoa e um homem trabalhador.

Banda B



** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal CATVE.com pelo WhatsApp (45) 9 9982-0352 ou entre em contato pelo (45) 3301-2642.